Por: João Marcos | 5 anos atrás

Das poucas surpresas boas dessa edição do Rock in Rio, essa com certeza merece sua atenção. O que esperar de uma mistura entre o pesadíssimo som da banda Sepultura liderada por Derrick Green com seus guturais e os rifs marcantes de Andreas Kisser, em rota de colisão com o vocal singular de Zé Ramalho?

Olha, sinceramente não achei que curtiria tanto:

[youtube_sc url=”http://youtu.be/OMOBNyiC5qg” width=”640″ autohide=”1″]

Cara, o casamento foi perfeito – a roda punk da galera abraçada no fim é a imagem perfeita pra ilustrar o que foi esse show. Que por sinal foi épico, caso tenham interesse em conferir na íntegra é só clicar aqui.