Por: Ricardo Daniel Treis | 8 anos atrás

A Oxford Porcelanas, de São Bento do Sul, agora está sob o controle da Weg Participações e Serviços, que já era acionista da empresa. A Eggon João da Silva Administradora, que detinha 62,80% do capital da Oxford, vendeu o controle para a Weg, que após essa transação acionária ficou com 78,189% do negócio.

Com a mudança e a centralização na holding, será natural que a Weg ocupe mais uma cadeira no conselho de administração da empresa do Planalto Norte. A estratégia de negócios da Oxford não deve mudar. Ter o respaldo formal da poderosa indústria metalúrgica de Jaraguá do Sul é um ganho.


Via Claudio Loetz