Por: Sistema Por Acaso | 4 anos atrás

Dando continuidade a coluna semanal da SNC Jaraguá sobre alimentação e bem-estar, quem nos escreve na tarde de hoje é a Doutora Carolina Bagattoli com o tema: “Você come compulsivamente?”

comer-compulsivo

Você já ouviu falar de uma doença intitulada transtorno de compulsão alimentar noturna?

Provavelmente não, porém preste atenção nesse texto e você poderá identificar alguém com esse transtorno e então ajudá-lo. Esse transtorno atinge 2% da população, sendo que 70 % são mulheres. Geralmente essas pessoas têm excesso de peso, e outras doenças graves como aumento de colesterol, hipertensão arterial e diabetes. Lembrando que os obesos têm maior risco de cálculo biliar, doenças cardíacas e alguns tipos de câncer.

Você quer saber se seus ataques de “gula” se caracterizam nessa doença?

Os critérios de diagnóstico são:

Ataques de comer após as 18 horas, devem acontecer pelo menos 2x na semana nos últimos 6 meses, associados a pelo menos mais 3 ítens abaixo:

1. Comer mais rápido que o usual

2. Comer e se sentir desconfortavelmente cheio

3. Comer grande quantidade de comida sem fome

4. Comer escondido devido à vergonha de comer essa quantidade

5. Se sentir culpado e deprimido pós a superingestão.

Esse transtorno está ligado a uma personalidade ansiosa e /ou depressiva. Todo pensamento, gera um sentimento que resultará em um comportamento. Sob essa filosofia te convido a mudar sua estratégia de pensamento e terá resultados corporais diferentes.

Esse comportamento doentio pode surgir depois de dietas muito restritivas. Portanto, se você quer perder uns “quilinhos” indesejados seja consciente procure um profissional habilitado e aconselhe as pessoas que você ama a manterem uma dieta saudável e equilibrada.

Pense leve, viva bem!