Por: | 8 anos atrás

 

Esta semana o Twitter foi afetado por uma grande falha de segurança que permitia que qualquer pessoa incluísse códigos maliciosos ao Search do microblog. A brecha de segurança foi descoberta pelo site americano XSSED. Este tipo de brecha de segurança é conhecida como XSS (Cross Site Scripting).

O “virus do twitter” fazia com que o usuário, ao clicar no link malicioso, automaticamente repassasse o vírus para seus seguidores, o que fez com que rapidamente mais de 100 mil usuários fossem infectados.

O virus teve início com uma mensagem informando que o membro da banda Restart, Pelanza, havia sofrido um acidente. Algum tempo depois outras mensagens começaram a aparecer, como possíveis fotos da apresentadora do programa Pânico, Sabrina Sato, nua.

Cerca de 12 horas após o vírus estar no ar, o Twitter corrigiu a falha de segurança que permitia aos crackers terem acesso a novas contas (as já contaminadas continuam problemáticas). Porém, o que o Twitter não imagina é que os membros da comunidade Orkut Exploits continuaram tentando encontrar outras brechas, e descobriram uma outra maneira de continuar com os vírus.

A “nova falha” foi descoberta pelo Rodrigo Lacerda, que alguns anos atrás, de forma parecida, fez um vírus para orkut que forçava os usuários entrarem em uma comunidade “Injectados pelo Vírus do Orkut” e repassarem a mensagem para seus amigos.

Se você foi infectado pelo vírus do Twitter, a dica que temos para você é que apague os cookies do seu navegador e mude sua senha.

Via Olhar Digital.