Por: Ariston Sal Junior | 4 anos atrás
Jean "Boca"em sua casa/estúdio Foto: Eduardo Montecino/OCP

Jean “Boca”em sua casa/estúdio
Foto: Eduardo Montecino/OCP

Para promover uma experiência musical mais orgânica, o músico Jean Boca volta a compartilhar o aconchego do lar com o público regional. Na verdade, é a atmosfera que contribui para acolher as pessoas no evento “Casa Sonora”. A sala da casa antiga às margens do trilho do trem mistura com harmonia um cenário caseiro com a realidade urbana. No próximo sábado, a trilha sonora será embalada por Ana Paula da Silva, com o show “Mundo de Dentro”.

Segundo Boca, o evento tem uma proposta um pouco diferente do conhecido “Som no Sereno”. Dessa vez, a festa não se estende pela madrugada e a sonorização é apenas com o artista convidado. Antes, o público acabava pegando os instrumentos e a noite funcionava como uma grande improvisação. “A ideia é funcionar como num teatro, onde você assiste a um show, mas não fica aquele clima frio e formal porque acontece na minha casa”, esclarece.

As apresentações começam pontualmente às 20 horas, com o cair da noite. A primeira edição, com participação de Luis Canela, de Florianópolis, foi no último fim de semana. Já estão previstas outras duas apresentações com François Muleka e Sérgio Lamarca. Boca acompanhará na percussão todos os músicos convidados. O evento deve funcionar em temporadas.

“A primeira edição foi linda, apesar de o pessoal ter chegado tarde achando que era o Som no Sereno. Mas a proposta é movimentar a cena e oferecer mais opções culturais”, destaca Boca.

Casa Sonora, com Ana Paula da Silva

Boca e Ana Paula/Divulgação

Boca e Ana Paula/Divulgação

Quando: Sábado, às 20 horas
Onde: Casa do Jean Boca, fundos da Biblioteca Municipal, no centro de Jaraguá do Sul
Quanto: R$ 10