Por: João Marcos | 5 anos atrás

Não fiz parte da equipe do Por Acaso que estava atenta a cobertura em tempo real do evento, e também não pude ir até a Arena para acompanhar. Fiquei assistindo da tv, impressionado não só com a qualidade do evento, mas com toda organização feita pela cidade e também toda a mobilização para que tudo saísse um sucesso.

Comentaristas rasgavam elogios ao público, lutadores emocionados com a intensidade e a recepção da cidade, e eo que me deixava ainda mais curioso era saber o que os chefões do UFC estavam achando de tudo isso, eis que Marshall Zelaznik – diretor de Desenvolvimento Internacional da organização – disse:

“A gente já estava tentando achar a próxima data até antes desta noite”, comentou. No balanço do evento, Marshall rasgou elogios e festejou a parceria. “Nós tivemos um grande público e foi uma noite fantástica”, acrescentou.

Por fim, voltou a afirmar o desejo de retornar a cidade. “Com certeza, nós vamos voltar a Jaraguá do Sul”, concluiu. Além de combates históricos, Jaraguá do Sul foi o primeiro “município do interior” a receber o evento no Brasil.

Isso mostra que na madrugada de domingo o UFC não deu um adeus a nossa cidade, e sim um até breve. O que não me deixa outra escolha a não ser mandar um sonoro #chupaIVANNRAUPP e um #chupaMARCELORUSSIO para terminar esse post.