Por: João Marcos | 6 anos atrás

A vinda do UFC para Jaraguá do Sul deixou rastros positivos para a cidade. Além de incluir o município na rota dos grandes eventos do país, uma pesquisa realizada pela Federação do Comércio do Estado de Santa Catarina (Fecomércio) mostrou dados positivos referentes a economia.

Foto: Weart

Os pesquisadores ouviram 32 empresários jaraguaenses com o objetivo de verificar o impacto do UFC no comércio da cidade. Os números mais significativos ficaram por conta do faturamento da rede hoteleira que subiu para 54,6%. A pesquisa constatou que os turistas permaneceram em média 3,14 dias no hotel e gastaram cerca de R$204,77 cada.

No comércio jaraguense, os dados apontaram que os visitantes gastaram em média R$ 124,33 por pessoa. Ao serem questionados pelos pesquisadores, 81,25% dos empresários avaliaram como positiva a vinda do UFC para Jaraguá do Sul.

Para atender a demanda de turistas, 25% dos estabelecimentos ouvidos contrataram trabalhadores extras. Os serviços mais oferecidos foram os de estacionamento, aceitação de cartão de crédito internacional, ambientes preparados para receber deficientes físicos e funcionários bilíngües.

Além desses dados, a pesquisa apontou que a forma de pagamento à vista foi a mais utilizada pelos visitantes. O pagamento com cartão de crédito e dinheiro somou 80,12% da preferência. Os parcelamentos através do cartão de crédito foram opção de 12,5% dos turistas.

O estudo apontou que 92,9% dos turistas que se hospedaram na cidade tinham entre 26 e 40 anos. Sendo que os grupos eram formados por familiares e amigos.

No dia 18 de maio, 7,6 mil pessoas que acompanharam as lutas na Arena Jaraguá e a estimativa é que mais de 10 mil turistas tenham transitado por Jaraguá do Sul.

Amanhã n’O Correio do Povo sairá a matéria completa e publicaremos aqui para complementar esse post.