Por: Anderson Kreutzfeldt | 18/02/2014

Em um estudo conduzido por psicólogos canadenses, os trolls da internet mostraram sinais de sadismo e psicopatia, revelando uma natureza maquiavélica perante sua manipulação para com os outros e despeito pela moralidade. Os pesquisadores afirmaram que o trolling não é nada mais do que se comportar mal na internet sem nenhum propósito que não seja a sua própria satisfação pessoal.

Os profissionais ainda informaram que a descoberta mais preocupante é que o trolling é “uma manifestação na internet do sadismo cotidiano” e não apenas um fenômeno da geração cibernética.

Se deseja ler mais detalhes, acesse a reportagem do Independent, em inglês, clicando aqui.