Por: Anderson Kreutzfeldt | 19/05/2014

O Tribunal Regional Eleitoral da 60ª zona eleitoral (Guaramirim-SC) julgou procedente a representação da coligação “Agora Sim Guaramirim”, do então candidato Lauro Fröhlich que pedia a exclusão do vídeo considerado ofensivo. Tal tribunal deu provimento parcial ao recurso interposto pela Google Brasil, suspendendo a determinação de exclusão de vídeo vinculado ao YouTube e mantando a multa de R$ 5.000,00 em face ao não cumprimento de ordem judicial.

Fonte: O Correio do Povo