Por: João Marcos | 3 anos atrás

Durante a noite de ontem, uma operação conjunta entre as agências de inteligência da PM de Jaraguá do Sul e Guaramirim, e com apoio da rádio patrulha, canil da polícia e pelotão tático, culminou na prisão de um homem de 30 anos, que é suspeito de ser integrante do PGC, facção criminosa que atua em Santa Catarina. O homem estaria traficando na região e portava uma arma. Existe uma informação que ainda será apurada, que dá conta de que o detido, conhecido pelo apelido de “Ceará”, tinha como “missão” matar um policial da região.

2014-10-30tráfico_4

Os policiais chegaram até o suspeito depois de denúncias anônimas. Ainda durante a noite de quinta, os policiais munidos de imagens que comprovavam que o homem praticava tráfico nas proximidades, realizaram a abordagem de cinco usuários que estavam no local para comprar entorpecente e um menor de idade que auxiliava na distribuição da droga. Com Ceará, os policiais encontraram aproximadamente 18 gramas de crack. Ao ser questionado sobre a procedência, ele disse que na residência do mesmo, que fica no bairro João Pessoa, havia mais droga escondida. Os policiais foram até o local onde apreenderam cerca de 500 pedras de crack, uma balança de precisão utilizada para pesar a droga, um revólver calibre 38 e 11 munições intactas.

2014-10-30tráfico_2_14bpm

Francisco Lino da Silva, que já tem passagens criminais diversas, inclusive por homicídio, foi encaminhado para à Delegacia de Polícia por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo.

Via OCP Online