Por: Gabrielle Figueiredo | 3 anos atrás

Depois de anunciado o percurso da tocha olímpica em Santa Catarina, dois representantes do Comitê de Revezamento da Tocha Olímpica realizaram na semana passada uma visita técnica a Prefeitura de Jaraguá do Sul.

A equipe apresentou ao prefeito Dieter Janssen e ao presidente da Fundação Municipal de Esportes (FME) Alessandro Buosi Martins como está sendo programado o revezamento da tocha olímpica no País para as Olimpíadas de 2016 que acontecem em agosto no Rio de Janeiro. Cerca de 300 cidades de 26 estados estão sendo convidadas para receber a tocha que simboliza a competição.

IMG_3275

Foto: Divulgação PMJS

Segundo o gerente regional do Comitê de Revezamento da Tocha Olímpica, Emiliano Xavier, a ideia é que cidades que tenham representatividade nos estados e que demonstram um contexto geográfico, histórico e cultural possam receber o símbolo das Olimpíadas. O revezamento começa no Norte e encerra no Sul do País.

Em Santa Catarina, entre as cidades sondadas para receber a tocha estão Jaraguá do Sul, Blumenau, São Francisco do Sul, Joinville e Florianópolis. A definição das cidades e as inscrições devem ser confirmadas até outubro deste ano.

A chegada da tocha olímpica é realizada de forma que envolva toda a população com o revezamento envolvendo diversas pessoas (selecionadas previamente por meio de inscrição) pelas principais ruas da cidade. O revezamento da tocha encerra com uma grande comemoração sendo no caso de Jaraguá do Sul na Arena Jaraguá que já abrigou eventos nacionais e internacionais.

De acordo com o prefeito Dieter Janssen, a proposta de Jaraguá do Sul receber o revezamento da tocha olímpica é bem-vinda, pois se trata de um evento mundial que vai ocorrer no Brasil e que integra Jaraguá do Sul às Olimpíadas 2016.

Fonte: Prefeitura Jaraguá do Sul