Por: João Marcos | 5 anos atrás

Hoje o filme que figura por aqui é “O Tempo e o Vento”:

[youtube_sc url=”http://youtu.be/K_z1uhHdkgE” width=”640″ autohide=”1″]

 

O longa é uma adaptação do livro “O Continente”, de Érico Veríssimo. A história foca-se na primeira parte da saga escrita por Érico, e conta sobre a formação do Rio Grande do Sul.

Basicamente, ele é baseado na história da família Terra Cambará durante dois séculos, começando nas Missões e seguindo pelo século XX. Sob o ponto de vista desta família, passa a história do Rio Grande do Sul e o drama de seu povo, na cidade fictícia de Santa Fé.

Uma curiosidade, “O Tempo e o Vento” é o primeiro filme, em todo o mundo, feito com a câmera F-65 e finalizado com tecnologia digital em 4 K 16 bites. O que significa isso? A câmera F-65 é a última revolução da técnica. Ela tem sensores que permitem captar as imagens até 8 K, com uma nitidez sem precedentes. “Oblivion”, com Tom Cruise, foi feito com essa tecnologia, mas finalizado em 2 K. Ou seja, nós estamos avançando em relação a Hollywood.

O longa estreia em Jaraguá do Sul com sessões às 14h/16h30/19h/21h30. Os outros filmes em cartaz são:

Tá Chovendo Hamburguer 2 – 15h/17h

Elysium – 19h/21h10

Serra Pelada – 14h20/16h40

É o fim – 19h10/21h42