Por: João Marcos | 5 anos atrás

No auge da corrida do ouro que o Brasil viveu nos anos 1980, cerca de 100 mil garimpeiros formavam em Serra Pelada um formigueiro humano por entre escadas precárias percorridas com pesados sacos de lama às costas. A epopeia vivida no sul do Pará produziu imagens que correram o mundo, como o icônico registro em preto e branco realizado pelo fotógrafo Sebastião Salgado.

Em cartaz a partir desta sexta-feira nos cinemas, Serra Pelada joga luz sobre o episódio pelo caminho de dois amigos que para lá partiram em busca de riqueza. Em seu registro ficcional, o diretor Heitor Dhalia, coautor do roteiro com Vera Egito, convocou um time de grandes atores do cinema brasileiro: Juliano Cazarré, Júlio Andrade – que vivem os protagonistas, Juliano e Joaquim -, Wagner Moura e Matheus Nachtergaele.

Olhaí o trailer:

[youtube_sc url=”http://youtu.be/HdmNSPvPkhE” width=”640″ autohide=”1″]

O filme “Serra Pelada” tem sessões às 14h20 – 16h40 – 19h e 21h20. Os outros filmes em cartaz são:

Aviões (Sáb, dom e quarta): 14h30.

Elysium (Seg, ter, quinta e sexta): 14h40 – 16h50 – 19h e 21h10.

Elysium (Sáb, dom e quarta): 16h50 – 19h e 21h10.

Tá chovendo hamburguer 2: 14h – 16h – 18h.

Invocação do Mal: 21h.