Por: Tita Pretti | 4 anos atrás

nova forma de cobrança internet velocidade reduzida

As operadoras de telefonia móvel começaram neste mês a adotar um novo modelo de cobrança de acesso à Internet através de celulares, e a mudança continua gerando polêmica.

Isso porque nas redes sociais os usuários dos serviços dizem que com o fim da velocidade reduzida o acesso à informações importantes é privado, talvez quando mais se precise dele. Isso porque após atingir a franquia de dados móveis contratada, ao invés de continuar navegando “gratuitamente”, o usuário terá agora de pagar se quiser continuar conectado.

Por outro lado, as operadoras tentam minimizar as críticas declarando que têm recebido poucas reclamações. Foi o caso do diretor geral da Telefônica Vivo, Paulo Cesar Teixeira:

“A velocidade reduzida foi um erro. O cliente usa, não paga, e reclama da qualidade do serviço. Para nós, os recursos estão sendo usados sem a remuneração necessária”

Em outras palavras, as empresas não estão dispostas a gastar nem um centavo para fornecer um serviço que garante a comunicação diária de milhões de brasileiros.

Segundo a Vivo, os clientes têm ligado para o call center querendo entender porque a internet não está mais reduzindo e que os usuários entendem a nova estratégia e apenas poucas pessoas continuam reclamando.

Na Internet, muitas usuários rebatem toda essa “tranquilidade” das empresas:

“Estou há horas tentando falar com o SAC e só toca musiquinha…fica difícil reclamar né!”

E pra você, essa mudança está afetando sua comunicação de alguma forma?