Por: Ricardo Daniel Treis | 11/07/2011

A partir deste domingo, o jaraguaense que usa o transporte coletivo deve sair com um pouco mais de dinheiro no bolso. A tarifa única antecipada passa de R$ 2,50 para R$ 2,75 e a embarcada de R$ 2,75 para R$ 3. O reajuste não foi bem recebido por entidades, que devem se reunir na segunda-feira para discutir formas de suspender a decisão da prefeita Cecília Konell, anunciada no dia 29 de junho.

A União Jaraguaense das Associações de Moradores (Ujam) e a Associação dos Usuários do Transporte Coletivo (AUTC) não concordam com a justificativa apresentada pela Canarinho, empresa responsável pelo transporte coletivo, para pedir o aumento à Prefeitura. Segundo a empresa, o reajuste é necessário por causa do aumento do salário dos funcionários, pneus e combustíveis. As entidades também questionam a qualidade do serviço.

A presidente da Ujam, Andrea Regina Terlorst Ziehlsdorff, diz que o preço da passagem não incentiva o uso do transporte coletivo e prejudica as famílias de baixa renda. “Vale mais a pena levar até quatro passageiros no carro do que gastar R$ 3 por pessoa para usar o ônibus”, diz Andrea.

Via AN