Por: Gabrielle Figueiredo | 08/04/2016

História, conscientização e superação. Essas três palavras resumem o que o jaraguaense Édio Borda está propondo no desafio Challenges Stand Up Paddler Inflatable.

Édio vai remar 107 km em um stand up paddle, no dia 16 de abril. A saída será do rio Humboldt, passando pelo Itapocu até chegar ao litoral, em Barra Velha.

Para Édio, realizar essa descida é algo que mexe com sua história familiar. O seu bisavô, Calixto Domingos Borges, foi canoeiro de Emílio Carlos Jourdan, em 1876, fundador de Jaraguá do Sul. “Meu avô já remava por essas águas 140 anos atrás”, conta.

edio borba

Além disso, o desafio também é uma maneira de chamar atenção para a preservação do rio, pois a conscientização é necessária. “Além disso, poucas pessoas utilizam o rio para praticar atividades, mas há pontos que você pode aproveitar”, explica. “Precisamos ajudar a preservar o rio, há uma vida silvestre muito grande ali”, complementa.

Édio conhece o stand up paddle há 10 anos, e rema há cinco. Porém, a distância que percorrerá ele nunca fez em cima da prancha. “No caiaque já fiz distâncias maiores, mas assim será a primeira vez”, explica.

O atleta aproveita para agradecer os patrocinadores que estão dando uma força no desafio, Locomotivos, CIAWAX, Massoterapeuta Mauricio Leandro, e aos amigos que farão o apoio e filmagens no dia, Fernando Torredefló Matile e Renan David.

Fotos: Divulgação