Por: Ariston Sal Junior | 17/07/2014

0114site

Um grupo de amigos reunidos já é sinônimo de diversão garantida. Agora imagine 140 grupos reunidos no mesmo espaço? Isso mesmo, a 12ª Stammtisch de Jaraguá do Sul é ponto de encontro de milhares de pessoas, neste sábado a partir das 10 horas, para celebrar a amizade. A tradicional festa que leva os amigos para as ruas acontece pela terceira vez em ambiente fechado, no Parque Municipal de Eventos. O que não é motivo para minimizar a festa ou descaracterizar o movimento que tem por objetivo proporcionar uma tarde de muita festa aos velhos conhecidos e possibilitar o início de novas amizades.

De acordo com o presidente da Stammtisch, Moa Gonçalves, a mudança de local – até 2011 a festa acontecia no Calçadão – foi uma forma de fortalecer a festa, proporcionar mais segurança e evitar atritos com donos de lojas que muitas vezes ficavam descontentes com a festa. Há 12 anos Moa está a frente da organização do evento e conta que no início eram 50 barracas participantes. Hoje esse número atinge os 140 sendo, segundo ele, a segunda maior Stamm do Estado. Jaraguá do Sul fica atrás apenas de Blumenau. “A festa foi pautada para ser um encontro de amigos, uma festa de conhecidos e está dando certo, tanto que continua firme por 12 anos”, afirma.

Contando com os participantes já confirmados e entradas vendidas na hora, Moa calcula que cerca de dez mil pessoas participem do evento. As barracas foram vendidas antecipadamente e já esgotaram há cerca de um mês. Quem não participa de grupos que adquiriu barracas pode comprar o ingresso no dia do evento a R$ 5. No local haverá venda de chope por R$ 5, refrigerante por R$ 3, batata recheada por R$ 15 e crepe por R$ 6.

Durante toda a festa as bandas Banda Alemão Preto, Schwarz Deutsch Musikanten e Bavária circularão pelo pátio do parque animando os grupo de amigos. O fato não impede que os participantes façam seu próprio som, a única coisa que não é permitida é a entrada de som eletrônico. “É uma festa divertida com pessoas que vão para celebrar a vida”, destaca.

Um lembrete do organizador é para os participantes que vão beber. “É uma festa para ir a pé. Peguem uma carona ou vão de táxi, que é o melhor”, disse. A festa é direcionada a maiores de 18 anos, porém os menores podem entrar se estiverem acompanhados pelos pais ou responsável. Além de organizador, Moa Gonçalves também tem uma barraca no evento. Desde a primeira edição ele conta que reúne os amigos no grupo “Barraca do Moa e do Beto” e para este ano devem participar cerca de 45 integrantes.

Via OCP