Por: Anderson Kreutzfeldt | 4 anos atrás

IMG-20140607-WA0032

O Secretário da Defesa Civil, Rodrigo Moratelli e o diretor de Resposta da Defesa Civil, James Rides, se deslocam pelas regiões mais afetadas pelas chuvas até agora. A equipe passa por Penha, no Litoral Norte e segue para as cidades com maiores problemas, no Planalto Norte do Estado. A visita tem como objetivo dar os encaminhamentos emergenciais e posteriormente, ações secundárias necessárias.

Nas últimas 24 horas choveu acima da média esperada para todo o mês em alguns municípios. Em Três Barras, município que teve maior índice de precipitação, foram 217 milímetros, Rio Negrinho contabilizou 204mm de chuva, Schoereder teve 182mm, Joinville registrou 165mm, enquanto Canoinhas contabilizou 160 mm e Irienópolis com 143mm.

Leandro Puchalski, meteorologista do Grupo RBS, afirma que o normal para o mês de junho é chover entre 90 e 130 mm.

A Defesa Civil registrou ocorrências em nove cidades catarinenses. Os municípios de Mafra, Canoinhas, Major Vieira, São Bento do Sul, Papanduva, Vitor Meireles e Jaraguá do Sul, Porto União e Irineópolis sofreram inundações e deslizamentos.

Confira a situação destas cidades, conforme informações da Defesa Civil estadual:

Canoinhas
Ocorrência: alagamentos

Corupá
Ocorrência: alagamento
100 famílias afetadas

Porto União
Ocorrências: casas foram atingidas por deslizamento de terra
Oito famílias afetadas

Irineópolis
Ocorrência: alagamentos

Jaraguá do Sul
Ocorrências: alagamentos e deslizamentos
15 famílias afetadas

Mafra
Ocorrência: alagamentos
80 famílias desabrigadas (estão em abrigo público oferecido pela Prefeitura)

Major Vieira
Ocorrência: alagamentos
Duas famílias desalojadas (que estão em casas de amigos/familiares)

Papanduva
Ocorrência: alagamentos
100 famílias desalojadas (que estão em casas de amigos/familiares)

São Bento do Sul
Ocorrência: alagamentos
50 famílias desabrigadas (estão em abrigo público oferecido pela Prefeitura)

Vitor Meireles
Ocorrência: alagamentos
1 família desalojada