Por: Ricardo Daniel Treis | 5 anos atrás

Tenho assinatura no mailling da Avaaz.org, uma comunidade que traz causas à tona e mobiliza seus contatos para compartilhá-las e participar de abaixo-assinados. O mundo que retratam é injusto – para se dizer o mínimo – e às vezes tem casos que parecem saídos de roteiro “teoria da conspiração”. Recomendo acessarem o site e fazer o cadastro, sendo ativismo exagerado ou não, é uma boa fonte de acesso para notícias “abafadas” ou ainda o outro lado da história.

O caso da vez: a autorização de produção de salmão transgênico pelo governo norte-americano. No caso, o animal teve seus genes alterados para estimular hormônios de crescimento.

Dois salmões da mesma espécie e idade, adivinhe qual é o mutante

Para a criação do peixe foi alterada geneticamente uma espécie conhecida como salmão do Atlântico, tendo inseridos genes de outra espécie, chamada de salmão do Pacífico ou salmão-rei. O trecho de DNA inserido define a produção de um hormônio do crescimento, o que faz com que o peixe amadureça mais cedo e tenha tamanho maior do que o normal.

O fino da matéria é encontrar a defesa da empresa responsável: “é tão seguro como alimento quanto o salmão convencional, e há uma razoável certeza de que não haveria problemas com seu consumo”.

UMA RAZOÁVEL CERTEZA! Quem arrisca uma porção de peixe hormonado pra ver o que acontece?

Na busca de assinaturas para combater a liberação, a comunidade Avaaz defende: “Além de não conhecermos os efeitos a longo prazo para a saúde, se algumas dessas criaturas ou seus ovos chegarem ao ambiente natural, estes super salmões podem dizimar populações inteiras de salmão. Pior ainda, uma vez que eles chegarem aos supermercados, não vamos saber o que é salmão modificado geneticamente e o que é salmão verdadeiro.”

Até então foram coletadas 760 mil assinaturas da meta de 1 milhão. Quer contribuir? Clique aqui e já aproveite para conhecer as outras causas que estão online.


MAIS INFORMAÇÕES

EUA analisam liberação de salmão transgênico para consumo humano (Estadão)
http://www.estadao.com.br/noticias/vidae,eua-analisam-liberacao-de-salmao-transgenico-para-consumo-humano,612618,0.htm

Estados Unidos dão sinal verde a salmão transgênico (Folha de São Paulo)
http://www1.folha.uol.com.br/ciencia/1206348-estados-unidos-dao-sinal-verde-a-salmao-transgenico.shtml

O salmão transgénico mais perto do nosso prato (Público)
http://www.publico.pt/ciencia/noticia/o-salmao-transgenico-mais-perto-do-nosso-prato-1578890

EUA dão passo rumo à liberação da venda de salmão transgênico (G1)
http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2012/12/eua-dao-passo-rumo-liberacao-da-venda-de-salmao-transgenico.html

EUA: Salmão transgénico precisa de mais estudos (Euronews)
http://pt.euronews.com/2010/09/21/eua-salmao-transgenico-precisa-de-mais-estudos/