Por: Tita Pretti | 3 anos atrás

watermark

Que Santa Catarina é um paraíso do Brasil, isso todo mundo sabe. A excelente qualidade de vida é um dos fatores que levaram o Estado a ter a maior expectativa de vida do país. A média para homens é de 74,7 anos e para as mulheres 81,4 anos. Já a menor expectativa de vida é do Maranhão, 69,7 anos. O Estado tem a pior esperança de vida ao nascer tanto para os homens (66,0 anos) quanto para as mulheres (73,7 anos).

A estatística é do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), que divulgou nesta segunda-feira (1/12) as Tábuas Completas de Mortalidade do Brasil de 2013.

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, o índice positivo foi possível, em grande parte, graças à adesão de 100%, dos 295 municípios do Estado, ao Programa Saúde da Família. Os postos de saúde realizam trabalhos em grupo e palestras de conscientização que reúnem hipertensos, idosos, diabéticos ou adolescentes. No caso específico dos idosos, os postos de saúde oferecem atividades terapêutica como oficinas de trabalhos manuais, aulas de dança, de música e de ginástica.

Para a Secretaria de Saúde, o diferencial de Santa Catarina é a prevenção desde o berço. A maioria dos Estados trabalha com a obrigatoriedade de cinco ‘testes do pezinho’, e no Estado são feitos sete. Nos últimos anos houve uma redução de 5% no número de internações por doenças sensíveis (asma, diabetes, hipertensão).

Vale lembrar que aqui em Jaraguá do Sul, a pessoa mais idosa da cidade é Álida Grubba, que completou 111 anos em julho deste ano. Em entrevista ao OCP, ela disse que vive comendo o que gosta, passeando, indo ao banco todo mês, dormindo bem e até pescando quando tem oportunidade. Com excelente aparência e “boa de cabeça”, não liga tanto para a quantidade de anos que tem. Apenas diz gosta de viver e fica tranquila em relação à morte. Ao reforçar essa tranquilidade, ela solta uma frase que pode não ser lógica, mas que traz uma reflexão com a certeza do fim:

“Viver toda a ‘vida’ ninguém vive.”

Com informações do OCP Online.