Por: Isah Sanson | 7 anos atrás

Jaraguá do Sul

Crédito da imagem: Edilson Carlos

Todo ano novo é a mesma coisa: sempre rola aquela lista de promessas para concretizar nos 12 meses seguintes. Prometemos mil coisas que, se conseguirmos concretizar, mudarão nossa vida para melhor: poupar mais; comer menos; estudar mais e farrear menos… e assim segue a imensa lista de resoluções.

Agora a gente pergunta: se Jaraguá do Sul fosse uma pessoa, quais as resoluções que ela deveria fazer para melhorar neste ano?

Começamos a lista com alguns tópicos que achamos importantes, e agora abrimos a caixa para saber quais que vocês têm a sugerir. Eles podem dizer respeito a sua rua, bairro ou a questões da administração em geral. Mandem suas manifestações, depois que a lista estiver recheada, vamos encaminhá-la para a Ouvidoria da cidade (e verificar se houve resultado, no final de 2012). Vamos lá!

EM 2012 JARAGUÁ DO SUL QUER:

– Mais shows e mais espaço para as bandas locais mostrarem sua força (e mais público para prestigiar o talento local);

– Recapear as ruas centrais;

– Fazer um melhor aproveitamento da praça Ângelo Piazera (e o palco em formato de concha acústica, que virou promessa passada);

– Fazer a manutenção das áreas de lazer;

– Repensar o urbanismo e o embelezamento da cidade;

– “Limpar” a área da vizinhança ao Terminal Rodoviário Central;

– Melhorar a condição das calçadas (e providenciar mais passeios públicos).

O que está faltando na lista? Acrescentem na caixa de comentários e tomem como promessa. Muita coisa que entra pra lista pode ser melhorada a partir de cada um, como no caso das calçadas. É aquela história de que para refletir global, precisamos agir local.


Cidades são constituídas de território e pessoas, e é isso que torna uma cidade melhor do que a outra: a população.
Afinal de contas, é a população de uma cidade que fiscaliza (ou não) o trabalho de seus governantes.
É a população da cidade que participa (ou não) de manifestações por mudanças importantes para a coletividade.
É a população da cidade que contribui (ou não) com a limpeza do lugar onde mora. Que transmite (ou não) um sorriso a diante. Que faz (ou não) uma boa ação a um desconhecido.

Lembrem-se que independente a prefeitura realizar ou não o que é importante para Jaraguá, é preciso que a gente também faça nossa parte.