Por: João Marcos | 5 anos atrás

O Ministério da Educação vai habilitar municípios onde serão implantados cursos de graduação em medicina por instituições de educação superior privada. Conforme o edital, os interessados devem se inscrever até 8 de novembro para a formação de um cadastro de cidades consideradas habilitadas pelo Ministério da Educação. Oportunidade que o reitor da Católica Santa Catarina, professor Robert Burnett, não deseja desperdiçar. Para ele, a Jaraguá do Sul atende os requisitos do edital.

Biblioteca Católica_JGS (1)

Em reunião na Câmara de Vereadores ontem, 29, ele sugestionou a criação de uma comissão para buscar envolvimento na causa de fortalecer a corrente de apoio político para viabilizar a vinda do curso para a cidade. Também disponibilizou a estrutura do Centro Universitário para oferecer as vagas do curso de graduação no vestibular de 2015. Para isso, projeta investimentos na ordem de R$ 13 milhões, com ampliação de salas, convênios com hospitais e outros.

O proponente da reunião, vereador José de Ávila, demonstrou entusiasmo após o encontro e destacou a importância da unidade política em torno da demanda. “A criação do curso de Medicina tem apoio da região e hoje, os elementos apresentados aqui, mostra a estrutura de saúde que Jaraguá do Sul tem suporte a esse nosso anseio”, afirmou Ávila.

 

A comissão irá acompanhar a inscrição do município e buscar apoio de senadores, deputados e do governo federal para viabilizar a implantação do curso de medicina para a região, tendo Jaraguá do Sul, como cidade-sede.

Eaí, será que agora vai?