Por: João Marcos | 7 anos atrás

Campanha “Não foi Acidente”, que propõe alterações na Lei Seca, chega a Santa Catarina pela preocupação de dois jovens de Jaraguá do Sul. Lucas Rodrigo Nora, de 17 anos, e Matheus Alves, de 20 anos, sentiram a necessidade
de alertar as pessoas para o perigo da mistura de álcool e “direção.

Com início marcado para o dia 7 e duração aproximada de 15 dias, o ápice da campanha será no dia 12 de maio, às 9h, na Praça Ângelo Piazera. Os jovens montarão estande para coletar assinaturas e informar as pessoas sobre o projeto de lei de incentivo popular que deverá ser entregue em Brasília.

Com a intenção de “chocar” a comunidade serão expostos veículos envolvidos em acidentes de trânsito cuja causa foi o alcoolismo. Conscientes da proposta que será votada no Senado ainda este mês sobre o aumento do valor de R$ 957,70 para R$ 1.915,4 da multa aplicada a quem é flagrado dirigindo após o consumo de álcool, eles acreditam que apenas a punição financeira não é suficiente para coibir os abusos. “A multa não é a solução porque depois de paga, o motorista esquece e volta a dirigir embriagado”, diz Lucas. Já Matheus, que dirige, diz que “a prisão pode fazer o motorista refletir sobre os motivos de ele estar ali”.

Via OCP

….

Já tínhamos feito uma publicação referente a essa campanha, pra quem não lembra é só clicar aqui.