Por: Sistema Por Acaso | 14/12/2015

O amortecedor é uma peça importante para a segurança e o conforto do motorista ao dirigir. Nem sempre alvo da atenção dos motoristas, um dos principais itens do conjunto de suspensão precisa ser trocado constantemente. Por isso, o dono do veículo deve ficar atento aos sinais que marcam a hora de buscar a manutenção na oficina mecânica. Confira algumas dicas importantes para não dar bobeira na hora de trocar o componente.

Um amortecedor velho pode ser facilmente identificado ao passar sobre uma lombada, por exemplo. “O lado que estiver com o amortecedor velho, afunda mais facilmente”, afirma Sérgio Albuquerque, especialista da oficina Impacto Especiais. Outra situação que dá a dica é a hora de fazer uma curva. Neste caso, um lado também afundará mais do que o outro se o amortecedor estiver na hora da troca.

Mas o amortecedor também indica visualmente quando está velho demais para o uso. Ele tende a “suar” quando antigo, permitindo a penetração de poeira e outras sujeiras. “Há casos de peças estouradas sem o dono perceber. Se houver pingos de óleo sob a roda, a chance de isso ter acontecido é grande”, completa. Sérgio diz ainda que os ruídos por desgaste de borrachas são comuns, mas os de amortecedores são diferentes. “São batidas fortes, com barulho seco, facilmente o motorista percebe”, finaliza.

Fonte: Auto Esporte