Por: Ricardo Daniel Treis | 4 anos atrás
pcurtume

Foto: Eduardo Montecino, OCP

A Prefeitura de Jaraguá do Sul deve concluir ainda esta semana o cálculo de juros sobre o valor total de R$ 1.341.671,62 que a ser pago ao dono da área no bairro Jaraguá Esquerdo, que será usada para o término da cabeceira e rua de acesso à Ponte do Curtume. A juíza Cândida Inês Brugnoli homologou no fim da semana passada o acordo entre a Prefeitura de Jaraguá do Sul e o proprietário da área.

pcurtume

Segundo o secretário de Urbanismo Ronis Bosse, logo que o depósito for feito ao proprietário da área, a empresa Engedal, responsável pela obra, deve retomar os trabalhos na ponte. Devem ser concluídas a cabeceira e o acesso à ponte no lado do bairro Jaraguá Esquerdo, já que no lado do Rio Molha já estão concluídos.

A expectativa, de acordo com Bosse, é de que as obras sejam finalizadas entre 60 e 90 dias. A área que fica ao lado da ponte poderá ser usada pela Prefeitura para a construção de um parque ou a casa que está no local ser reaproveitada para outro fim.

As obras na estrutura da Ponte de Curtume estavam paralisadas desde 2013, quando a Prefeitura tentou negociar 200 metros que eram necessários para a conclusão da ponte, mas o proprietário não aceitou e exigiu a desapropriação da área total do imóvel com 1.458 metros quadrados.

Ano passado a Prefeitura e o dono da área chegaram a fazer outro acordo que previa o pagamento de R$ 1 milhão e a entrega de outro terreno, mas a Câmara de Vereadores não aprovou. Este ano, a justiça solicitou nova perícia e depois de outras análises foi aprovado o acordo entre a Prefeitura e o proprietário do terreno com repasse de indenização de valor de R$ 1.341.671,62 corrigidos.

Fonte: Prefa.