Por: Anderson Kreutzfeldt | 4 anos atrás
Para 26% dos homens, o sexo é primordial para o sucesso da relação | Foto: Getty Images

Para 26% dos homens, o sexo é primordial para o sucesso da relação | Foto: Getty Images

Quantos parceiros sexuais já teve? Se a resposta para esta pergunta for cinco, talvez então a procura pelo par ideal pode ter chegado ao fim. O site MSN desenvolveu um fórmula do amor que, além de supostamente revelar qual a chave para desvendar os ingredientes necessários para ter uma relação duradoura e feliz, mostra ainda que o número de parceiros sexuais afeta o sucesso do relacionamento. As informações são do site inglês Daily Mail.

A fórmula, criada para quem pretende encontrar o verdadeiro amor ou somente avaliar a quantas anda o namoro, ouviu 2 mil pessoas, entre homens e mulheres, que disseram se estabelecer na relação quando encontram o quinto romance. Para 25% dos entrevistados de ambos os sexos, o parceiro ideal deve ter tido quatro envolvimentos amorosos anteriores para que a relação dê certo, enquanto 21% dos homens se mostraram tradicionalistas e acreditam que eles devem ser o primeiro parceiro de suas mulheres.

“A maioria das pessoas entra em uma relação séria esperando que dure para sempre, mas alguns acham que quando chegarem ao parceiro número cinco estão preparados para se comprometer de verdade, pois estão mais seguros sobre si mesmos, sabem o que querem”, explica a psicóloga Corinne Sweet, coordenadora da pesquissa

Um bom sexo também é base de sucesso para o relacionamento para 26% dos homens, enquanto apenas 13% das mulheres consideram o desempenho na cama primordial para a vida compartilhada de duas pessoas.

Além do número de parceiros, algumas características também foram apontadas como importantes para que o relacionamento dê certo. Ser engraçado e sagaz ficaram na primeira colocação na lista entre as qualidades que homens e mulheres devem ter para chamar a atenção do sexo oposto.

“As pessoas muito bonitas atraem muitos admiradores sexuais, mas isto não dura para sempre, então é importante olhar para a personalidade dos parceiros, seus desejos e vontades”, explica a psicóloga.

via @Terra