Por: Misael Freitas | 6 meses atrás

Nesta quarta-feira, 26, o Sesc Jaraguá promove mais uma edição do projeto “Diálogos Urgentes” com exibição comentada do documentário “Que Bom Te Ver Viva” da cineasta carioca Lúcia Murat. O objetivo da iniciativa é gerar uma reflexão sobre temas atuais.

Em “Que bom te ver viva”, ex-presas políticas da ditadura militar brasileira analisam como puderam enfrentar as torturas e prisões, relatando as situações e como sobreviveram a esse período, onde delírios e fantasias são recorrentes.

O filme intercala cenas documentais com um monólogo ficcional interpretado por Irene Ravache, que é um amálgama dos relatos e das memórias dessas corajosas mulheres. A diretora Lúcia Murat, que também foi presa e vítima de torturas.

O documentário, produzido em 1988, traça uma perspectiva feminina da violência daquele período, 20 anos depois. A classificação etária é 16 anos e a exibição é gratuita.

Veja um trecho do documentário:

Serviço

O que: exibição do documentário “Que Bom Te Ver Viva”

Quando: quarta-feira, 26 de julho, às 19h

Onde: Teatro Sesc, na Rua Jorge Czerniewicz, nº 633, no bairro Czerniewicz

Quanto: entrada gratuita, mas sujeita a lotação