Por: Ricardo Daniel Treis | 4 anos atrás

Em uma cidade universitária no interior da Alemanha, um grupo de jovens interessados em defender a legalização da maconha no país plantou quilos de sementes da planta meses atrás. Em junho, as autoridades de Göttingen se deram conta da ação, já que centenas de pequenos pés da espécie Cannabis sativa começaram a florescer em diversos espaços de vegetação da cidade. O grupo, chamado Einige Autonome Blumenkinder (blumenkinders são crianças que espalham flores), recebeu apoio do coletivo de base do Partido Verde e do Grüne Jugend (Juventude Verde), que também é contra as políticas restritivas a drogas na Europa.

(…)O objetivo das ações era o de conscientizar o público local para as questões que envolvem a planta, e ao mesmo tempo para a política de drogas repressiva da Alemanha. Uma coisa é ouvir discussões sobre a legalização da maconha, outra bem diferente é cruzar com a inofensiva embora proibida planta no caminho para o trabalho. A intenção, por fim, é estimular o debate público.

Matéria da Galileu, clique para continuar lendo.