Por: Ricardo Daniel Treis | 9 anos atrás

Sra. Prefeita fez exposição ontem de manhã para a imprensa, donde do jornal AN tiro alguns trechos:

ARTHUR MULLER
A prefeita Cecília Konell confirmou a intenção de demolir o Ginásio Arthur Müller e ceder o terreno para a Viação Canarinho construir um novo terminal de ônibus. Ela disse, porém, que essa ideia ainda está apenas no plano de intenções da administração(…) Caso o ginásio seja demolido, Cecília garantiu que uma nova estrutura será montada.

Não acreditem totalmente em minha lógica, visto que não sei tudo sobre tudo e a prefeitura nunca fez questão de comunicar algo à gente (tanto o Por Acaso ou população) quanto esse assunto, mas o que vai ser feito mesmo? Demolir um ginásio para depois construir um ginásio, e então ceder um terreno público a uma empresa que DEVE obrigações morais e contratuais com uma cidade inteira para faturar em cima dele? Me sinto um retardado por não entender, deve haver uma lógica muito brilhante por trás disso.

Agora continuemos:

CIDADE DIGITAL
(…)levar isso (os documentos digitalizados da prefa) para a população, por meio de totens onde as pessoas poderão acessar o protocolo único, quiosques para facilitar o acesso da população à tecnologia e o Caminhão do Saber, que vai circular levando acesso à internet e outras facilidades aos bairros distantes.

Me chama de caipira, mas não cria um negócio chamado “Caminhão do Saber” pra levar web e cultura pro interior. Gastar, sei lá, R$100 mil num caminhão e equipar ele, pra um motorista ficar carregando tudo cheio de funcionários interior afora, bairro sim, bairro não, dia sim, dia não. “Olha, hoje tem Internet aqui, mas só por três horas, aproveitem”. Qual a eficiência disso? Cria a porra dum plano de inclusão digital, viabiliza compra de equipamentos, e bota logo essa cidade wireless, que isso vai ter um custo/benefício decente de ser apresentado. Só pela abrangência já dá um banho nessa idéia atrasada de totens e caminhão-com-internet.

E a ofensa é bem aí, cadê aquela bandeira de campanha da Jaraguá Wireless?? Dia 6 de outubro de 2008, primeira coletiva de imprensa, foi dito pra gente:

1 – Referente ao projeto jaragua 100% (acesso gratuito a internet) qual a previsao da implantacao do sistema em nossa cidade? (pergunta do PorAcaso)
O projeto começa a ser executado imediatamente e a previsão é que o primeiro ponto de conexão esteja disponível em um ano. O projeto irá utilizar os centros de administração (mini-prefeitura) nas periferias do munincipio, dentro destes centros serão instalados as antenas de conexão. É previsto também a utilização das administrações de bairro como centrais de acesso.

Certo, 2010 aí, tudo apresentado e nada dessa idéia. Tamozae esperando pra ver o que significa “imediatamente”.

E pra não dizer que a apresentação foi um desastre completo (visto a polêmica em cima do novo cálculo do IPTU), vai algo sobre pontes:

(…)Outro projeto é de uma ponte para ligar o bairro Czerniewicz ao Centro, que seria construída em frente à Scar, como sequência da rua Estheria Lenzi Friedrich.

Taí algo que vai ser feito pra ajudar nossa vida.


Sempre foi dito mas sempre esquecem da gente, então relembro: a Prefeitura ou um de seus representantes têm nosso blog aberto para publicarem resposta ou fazerem contato com nossos leitores. Portas abertas, sintam-se em casa para os esclarecimentos ou réplicas.