Por: Deivis Chiodini | 4 anos atrás

O UFC desembarca no Texas nesse sábado com uma luta que pode definir o próximo postulante ao cinturão de José Aldo nos penas. Se Conor McGregor e todo seu jeito falastrão parecem ser a melhor aposta do ponto de vista mercadológico, a luta principal entre Frankie Edgar e Cub Swanson deve definir o desafiante em termos de merecimento. Edgar já foi derrotado por Aldo a pouco tempo, mas com boas vitórias sobre Charles do Bronx e BJ Penn, seu nome volta a ser cogitado (acredito que ele precise nocautear ou finalizar Swanson).

064_Dennis_Siver_vs_Cub_Swanson_gallery_post.0

 

Já Cub foi derrotado por Aldo no WEC em 9 segundos, com uma bela joelhada voadora, mas vem embalado com 6 vitórias consecutivas e esta muito perto de voltar ao title shot. O evento terá cobertura do Canal Combate a partir das 22 horas. Vamos a uma prévia das principais lutas:

Jared Rosholt x Oleksiy Oliynyk (categoria dos pesados): Dois nomes em ascensão se enfrentam pelos pesados, numa categoria que busca renovação. Vindo de três vitórias e ainda invicto no UFC, o três vezes All American Wrestler Jared Rosholt deve apostar na sua combinação básica: agressividade no início dos rounds na trocação, clinche e grade, quedas providenciais e controle posicional com ground and pound. Um jogo de feijão com arroz, mas que bem executado já lhe deu três vitórias unânimes. O veterano russo Oliynik pode complicar esse jogo do americano, pois é um mestre internacional de Sambo (arte marcial russa muito parecida com uma mistura de wrestling e jiu jitsu), dificultando as quedas e até as invertendo, ficando por cima. O russo gosta de trabalhar alguns ataques brutais ao pescoço, muitas vezes levando o queixo junto. Na parte de trocação os 2 tem pouca técnica e apenas um balaço bem colocado poderia salvar um deles.
Palpite: Gosto da agressividade de Oliynyk no chão. O russo vai levar por finalização no segundo round.

Bobby Green x Edson Barboza (categoria dos leves): Tentando colocar de vez seu nome na corrida pelo cinturão na divisão mais talentosa e equilibrada do evento, Bobby Green e e Edson Barboza fazem o co main event. Green é um well rounded, um lutador que trabalha bem em todas as áreas da luta, sem ser excepcional em nenhuma delas. Na parte de striking, ele trabalha basicamente o boxe, jogando o chute ocasionalmente para tentar uma combinação rápida e buscar o clinche/queda, onde tem boas progressões e controle, pontuando bem. Ele falha em algumas vezes manter as mãos baixas, confiando no movimento de cabeça e controle de distância, o que pode ser fatal contra um striker do nível de Edson Barboza.

Edson-Barboza-UFC-Alexandre-Loureiro_LANIMA20130108_0159_26

O brasileiro tem seu jogo todo calcado no muay thai, com potentes combinações que geralmente começam com chutes nas pernas e no corpo. Quando o adversário começa sentir, Edson despeja chutes altos ou giratórios e boas cotoveladas. Seu trabalho no clinche vem evoluindo, mas ele ainda sente dificuldades quando é obrigado a andar pra trás e seu queixo não é dos mais confiáveis. Suas defesas de quedas vem evoluindo e seu jogo chão de jogo o possibilita sobreviver até conseguir ficar de pé. Edson deve tentar controlar a distância nessa luta, evitando o infight, enquanto Bobby vai tentar fazer o brasileiro ficar preso na grade, buscando o corpo a corpo e as quedas.
Palpite: Sem patriotada, acho Green um pouco super estimado. Vou de Edson Barboza por pontos, com muitos chutes no corpo.

Frankie Edgar x Cub Swanson (categoria dos penas): Como já dito no começo da matéria, um dos dois pode enfrentar José Aldo muito em breve novamente. São dois nomes muito fortes, que já fazem por merecer sua chance. O ex campeão dos leves, Frankie Edgar é dono de grande footwork, com excelente velocidade e ritmo impressionante, daqueles que parecem não cansar nunca. Se o poder de nocaute não é dos maiores, a mão direita compensa com velocidade, com excelente trabalho de jab pontuando. No chão, é um excelente scrambler, sendo difícil de ser mantido no solo, além de nunca ter sido finalizado. Suas transições são rápidas e as quedas precisas, o que somam mais preciosos pontos em todas as lutas.

frankie-edgar11

Já Swanson é um lutador extremamente atlético, com boa base no kickboxing e que gosta da luta na trocação. Dono de boas combinações que trabalham golpes no rosto e no corpo, ele tem grande poder de nocaute e gosta de trabalhar o clinche. Seu jogo de quedas não é dos mais efetivos, mas suas defesa das mesmas melhorou muito. Com as costas no chão, Swanson costuma ter problemas e Edgar pode se aproveitar disso.
Palpite: A maior experiência e a refinada técnica de Edgar farão a diferença e ele levará por pontos.