Por: Gabriela Bubniak | 02/06/2017

E se Santa Catarina fosse vítima de estragos causados por um grande ciclone? Pois um alerta feito no início de quinta-feira (1º) – divulgado principalmente nas redes sociais – deixou a galera um pouco assustada. A marcação em vermelho na foto acima mostra a formação de um ciclone sobre o nosso Estado que é de dar medo! No fim o dia passou e tivemos uma quinta-feira de sol, friozinho, mas também com muito vento, este influenciado pelo ciclone.

Ok, passou, mas devemos nos preocupar? Pra entender o que aconteceu e o que esperar sobre isso, conversamos com o meteorologista da Epagri/Ciram, Clóvis Correa. Ele explicou o ciclone já passou e que ele aconteceu com maior intensidade no oceano em alto mar. “Agora ele já está em alto mar, se afastando da nossa costa. Sem perigos”, complementa.

Veja o gif que mostra o deslocamento do ciclone ao alto mar, próximo à costa:

giphy (4)

Uma publicação de Leandro Puchalski, meteorologista do ClicRBS, também aponta o ciclone já longe de nós. Veja a imagem:

ciclone

Mas e como vai ficar o tempo nos próximos dias? Com o ciclone longe, teremos tempo propício para os vários programas: sol para uma atividade ao ar livre e chuva para aquela maratona na Netflix. Falando nisso, já viu o que vai entrar e o que vai sair do catálogo?

Tempo no sábado
O sol novamente irá aparecer em todas as regiões associado a tempo seco em boa parte das cidades. Como o vento vai soprar do mar, o Norte, Vale do Itajaí e parte da Grande Florianópolis terão aumento de nuvens ao longo do dia. Nas duas primeiras regiões, deve ocorrer uma chuvinha fraca e passageira em poucas áreas.

Domingo com mudanças
As nuvens voltam a predominar em todas as regiões porque está previsto o deslocamento de uma frente fria, sistema de chuva, pelo Estado. A previsão aponta chuva entre a tarde e a noite.

Tendências para semana que vem
Infelizmente há previsão de chuva para boa parte da próxima semana, sobretudo pelos dias 7 e 8. Então melhor começar a se preparar, sem deixar faltar o guarda chuva na bolsa. 😉

Imagem de capa: CPTEC/INPE
Fontes: Blog do Puchalski, CPTEC