Por: Anderson Kreutzfeldt | 4 anos atrás
Iranianos na Fan Fest de São Paulo aproveitaram para consumir bebida alcoólica, que é proibido no seu país

Iranianos na Fan Fest de São Paulo aproveitaram para consumir bebida alcoólica, que é proibido no seu país

A Copa do Mundo é uma ótima oportunidade para a confraternização entre pessoas das mais diversas nacionalidades, crenças e culturas. E é seguindo esse conceito que alguns torcedores do Irã estão aproveitando o Mundial no Brasil para fazer coisas naturais por aqui, mas proibidas no seu país de origem. Como, por exemplo, assistir a um jogo da sua seleção tomando um copo de cerveja. Na Fifa Fan Fest montada na capital paulista, o Superesportes encontrou iranianos “tomando uma gelada” tranquilamente, sem nenhum tipo de constrangimento.

Vale lembrar que as bebidas alcoolicas foram banidas do Irã desde a revolução islâmica, em 1979, podendo ser punida até com a pena de morte em casos de reincidência. Mesmo assim, alguns optam por consumir bebidas de forma clandestina no país, as vezes com alcool impróprio, algo perigoso e que já levou alguns iranianos a morte. No Brasil, com o consumo liberado, os torcedores aproveitam a liberdade.

“No Irã o consumo de alcool é feito escondido. Aqui não precisa disso. A Copa do Mundo no Brasil é algo maravilhoso. Não tenho problema de tomar uma cerveja aqui, assistindo ao jogo da seleção”, comemorou Kia Golafshan, que veio ao Brasil com quatro amigos apenas para acompanhar o Mundial. “É a minha primeira vez no Brasil. É um país maravilhoso, com um povo muito alegre. Está tudo ótimo”, completou Kia, antes de dar mais um gole de cerveja.

Outro iraniano que se mostrava bem à vontade tomando uma cerveja na Fan Fest paulista foi Meysam Shakhesi, que também veio ao Brasil apenas por causa da Copa. ‘“No Irã não posso, mas aqui não tem problema. Então vamos aproveitar”, disse sorrindo o torcedor, que vai acompanhar os outros dois jogos do Irã na primeira fase, contra Argentina, em Belo Horizonte, e Bósnia, em Salvador. “Vamos ganhar da Argentina por 2 a 0 e vamos nos classificar’, disse, o torcedor, otimista e ainda sóbrio.

Afinal, além de ser inédita, uma classificação do Irã para as oitavas de final da Copa pode significar mais um dia livre para tomar uma simples cerveja.

Torcedores com camisas do Irã não se importavam em beber cerveja durante a partida entre Irã e Nigéria

Torcedores com camisas do Irã não se importavam em beber cerveja durante a partida entre Irã e Nigéria

via Superesportes