Por: Ariston Sal Junior | 14/05/2014
11-1024x682

Parceria entre Carolini e Paulico garantiu presença das obras em exposição da FIFA
Fotos: Eduardo Montecino

A arte jaraguaense estará integrada em uma das mais importantes feiras culturais do Brasil. Peças produzidas por Paulo David, o Paulico, foram selecionadas pelo Ministério da Cultura (MinC) pela originalidade. São ao todo seis obras que mesclam as habilidades do artista dos mosaicos, com um material inusitado: as sementes brasileiras. A exposição acontece na Teia Nacional da Diversidade, evento que começa na próxima semana em Natal, no Rio Grande do Norte.

Em Santa Catarina, apenas dois projetos foram selecionados, entre mais de dois mil inscritos. A produção de Paulico contou com a parceria da agenciadora cultural, Carolini Canuto. Apreciadora anônima do trabalho do artista, ela viu em peças espalhadas pela cidade a possibilidade de agregar conceito. “O mosaico não é uma arte genuinamente brasileira, é algo milenar, mas as sementes são. Propus a ideia e ele embarcou. Foi uma grande parceria para esse evento de grande importância para a cultura nacional”, conta.

Desde a concepção inicial foi mais de um ano de trabalho. Segundo Carolini, os editais preveem várias etapas de seleção e alto rigor nas avaliações. O objetivo da feira é ressaltar a cultura típica do país, por isso cada uma das peças é acompanha por uma cronologia de pesquisa específica. Em Ébano, a mulher negra é retratada com sementes de feijão. Já o café dá formas a Elis Regina e Milton Nascimento. Uma máscara indígena foi composta por um mix de sementes. Outras duas obras feitas com espelhos e madeira de demolição também serão expostas na feira.

“Já tinha trabalhado com as sementes em 2008, em detalhes da coleção de mandala. Um quadro como esse é um produto exótico, que mistura o mosaico com as sementes da nossa terra, é uma identidade a mais para o meu trabalho”, destaca Paulico. Para ele, a feira é uma chance de projetar seu trabalho, já que há respaldo dos peritos de cultura do país.

A dupla também obteve na última semana aprovação para o Vitrines Culturais. Com isso, uma nova série de desenhos será especialmente criada para exposição no FIFA Fan Fest, evento oficial da Copa do Mundo. Ainda não foram divulgados detalhes, mas o projeto levará os mosaicos jaraguaenses para exposições nas cidades sedes do mundial.

arte-ok

A Teia da Diversidade

Segundo o Ministério da Cultura, a Teia Nacional da Diversidade visa fortalecer o exercício dos direitos culturais, a atuação em rede, o diálogo e a parceria entre a sociedade civil, gestores, instituições de ensino, instâncias de participação social e sociedade em geral no campo cultural para a qualificação e o fortalecimento de políticas e ações de valorização e promoção da cultura brasileira em todos os seus aspectos e segmentos culturais.

O evento terá ainda diversos espaços de debates da sociedade civil, tais como os Fóruns relacionados à Cultura Afro-Brasileira, Povos Ciganos, Povos Indígenas, e Infância e Acessibilidade, entre outros. Entre as diversas ações relacionadas às políticas públicas de cultura, haverá Mostras Artísticas e uma Feira de Economia Solidária e Criativa, onde artistas de todo o país, como Paulico, apresentam seus trabalhos.

Via OCP