Por: Max Pires | 18/06/2010

Depois de 60 dias, os serviços foram retomados na rua Eugênio Lessmann

Foram mais de dois meses de espera pela retomada das obras de pavimentação na rua Eugênio Lessmann, no Centro de Jaraguá do Sul, na divisa com o bairro Nova Brasília. O Samae havia retirado toda a pavimentação para instalar uma nova rede coletora de esgoto e somente nesta semana os serviços de pavimentação com paralelepípedos – que estavam amontoados no canto direito da via – começaram. Em dois dias, pouco mais de 20 metros foram colocados no lado direito da rua.

Os moradores continuam impacientes e reclamam principalmente da poeira. A dona de casa Diane Marinho, 37 anos, disse que já ligou várias vezes para o Samae e o atendente não sabia explicar o porquê da demora. “Está muito complicado. Já vi carro batendo à noite nos montes de paralelepípedos, carro tirando o espelho retrovisor de outro que estava estacionado, além de que é muito difícil fazer o retorno”, reclama.

Claudete Clinotti da Silva, 51, que também é dona de casa, passou o dia de ontem limpando a casa para tirar o excesso de poeira que veio da rua. Até mesmo o pedreiro Milton Souza, 48, que não mora na rua Eugênio Lessmann, mas que estava passando pela rua, reclamou. “Está difícil a situação. Para estacionar, temos que subir num barranco, e para fazer a volta é um sacrifício. Precisa de uma solução urgente.”

Via AN Jaraguá.