Por: João Marcos | 4 anos atrás

A véspera de Natal foi marcada pela violência para uma família do bairro Rio Cerro II, em Jaraguá do Sul. Após um assalto, ladrões fugiram e invadiram uma casa. Vendo a esposa em perigo, seu marido atirou nos bandidos. Um deles morreu, o outro ficou ferido e foi preso.

Tudo começou durante o assalto a um posto de combustíveis, por volta de 15h30 desta quarta-feira. Apontando um revólver para os funcionários, os dois ladrões levaram todo o dinheiro do caixa. Enquanto o assalto era realizado, um homem de 45 anos parou no posto para abastecer seu carro. Segundo informações da polícia, ele percebeu que algo de estranho estava ocorrendo. Percebendo que seria um assalto, aguardou do lado de fora do estabelecimento e, quando os bandidos fugiram em uma motocicleta, o homem perseguiu-os de carro.

Ao notarem que um carro os seguia, os bandidos atiraram contra o carro. O homem, então, bateu com o carro na motocicleta, fazendo com que os dois ladrões caíssem. A queda ocorreu em frente à uma casa, onde acabaria a perseguição.

Uma mulher estava no pátio da casa e avistou os dois bandidos, armados, entrando em sua propriedade. Ela começou a gritar e, segundo a Polícia Militar, um dos bandidos chegou a render a mulher e apontar uma arma para ela. Seu marido, escutando os pedidos de socorro, pegou uma espingarda e atirou contra os dois homens.

Ao chegar no local, a Polícia encontrou um dos bandidos ferido na garagem da casa. Ele tinha perfurações no corpo e ferimentos no olho esquerdo. Segundo a Polícia Civil, ele foi solto do Presídio Regional de Jaraguá do Sul há dois meses, onde cumpria pena por violência doméstica – ele também já havia sido preso por tentativa de homicídio. O assaltante foi conduzido ao Presídio na manhã desta quinta-feira.

O outro assaltante tentou fugir da casa e foi encontrado morto no mato perto da residência, com diversas perfurações de bala em seu corpo. Ele ainda não foi identificado.

Fonte