Por: João Marcos | 3 anos atrás

Artigo por Larissa Berbare, para o Update or Die:

1212_04-mooc-01Os “Massive Open Online Courses” estão bombando. São mais de 1.000 cursos DE GRAÇA em parceria com as melhores universidades do mundo, Harvard, Stanford, MIT, USP…O que você quer aprender agora? Ciência da felicidade com a Berkeley, empreendedorismo social na Copenhagen Business School, introdução à música clássica com a Yale…o menu é extenso e delicioso.

Mas não seja guloso. A chance de terminar mais de um MOOC ao mesmo tempo é baixa. Tem que dedicar algumas boas horas por semana para leituras, vídeos, aulas ao vivo e desenvolvimento de projetos, porque a maior parte dos cursos é mão na massa e “project based learning”, você aprende enquanto pratica, sozinho ou em grupo. E, se quiser, tem a opção de pagar uma taxa pra ter o certificado bonitinho.

Mais do que escutar e absorver, com os MOOC você pode criar coletivamente os aprendizados e trocar com gente do mundo todo. O U.Lab do MITx (Transforming Business, Society, and Self), por exemplo teve 28 mil inscritos de 190 países, gerou 300 protótipos e contou com 350 hubs autogeridos. Dá pra trocar experiências sobre protótipos com pessoas do outro lado do globo ou participar de um hub na sua cidade pra evoluir o tema. Participei desse e fiquei impressionada com a qualidade e cuidado dos mentores.

Tem curso pra caramba, só coisa legal. Então antes de pagar R$ 2.000 em um curso, vê se não tem de graça. O Coursera e o edX são os maiores provedores, e tem outros crescendo como o nacional Veduca. A Ideo tem oferecido o curso de Human Center Design, próxima turma agora em Maio. Tudo de graça.

Os números só crescem porque cada vez mais pessoas da Ásia, América Latina e África se juntam e assim vamos co-criando uma nova forma de aprender. Mas esse esquema não funciona com a “geração leite com pera”, não tem professor puxando a orelha, você aprende o quanto quiser e o quanto se dedicar. Esse parece ser o futuro da educação, participativa e colaborativa.

Cabe a cada um aproveitar os recursos de tecnologia e essas deliciosas ofertas pra aumentar seu repertório.

Bom apetite!