Por: | 8 anos atrás

mono.jpg

Não é de hoje que a Hasbro tenta reinventar o Monopoly – ou o velho e bom Banco Imobiliário para os brasileiros puristas. Além de dezenas de edições especiais, até com máquina de débito (em parceria com a Visa), o clássico jogo de tabuleiro já foi lançado.

Agora é a vez do Monopoly Live, que se é basicamente e capitalisticamente igual nas regras, conta com o olho de Mordor para controlar tudo.

Trata-se de uma torre high-tech no meio do tabuleiro, que gira dados virtuais, calcula o dinheiro, controla os alugueis e propriedades, e anuncia de quem é a vez. Tudo feito eletronicamente.

A torre, que leva quatro pilhas AA, “lê” o tabuleiro com luz infravermelha, e tem uma camera que captura sensores em todas as peças do jogo. Para jogar o dado, por exemplo, basta colocar a mão sobre o seu peão. Os dados virtuais são jogados – com direito a efeito sonoro – e a torre se certifica de que você vai andar a quantidade correta de casas.

A principal intenção da Hasbro: Acelerar o ritmo de jogo. Você não perde mais tempo organizando peças e dinheiro, e diz a adeus a tradicional monotonia de uma partida de Monopoly.

O problema é que tambem se perde as discussões. Nada mais de acusar os outros de roubar dinheiro do banco, jogar os dados pra longe e dinheiro de mentirinha na cara do adversário. “A torre nunca erra”, declarou Leif Askeland, um dos designers do Monopoly Live.

Via Brainstorm.