Por: Anderson Kreutzfeldt | 25/02/2014

Ahhh, o Brasil…

Os prédios do programa Minha Casa Minha Vida em Niterói sequer foram entregues, mas já serão demolidos. Rachaduras críticas apareceram na obra, orçada na bagatela de R$ 21,9 milhões. As obras deveriam ser entregues em Abril, beneficiando 371 famílias que atualmente aguardam em abrigo provisório… Quero dizer… “Atualmente” não passa a gravidade da situação: as famílias já estão abrigadas no 3º Batalhão da Infantaria em São Gonçalo/RJ há dois anos. Dois anos “provisoriamente”, até que as obras fossem concluídas.

Ironicamente, o prazo para entrega continua sendo Abril de 2014. Não me perguntem como eles pretendem fazê-lo nesse período, uma vez que ainda aguardam os laudos técnicos para informar se os outros sete blocos do mesmo conjunto são ou não seguros. Evidentemente, o prazo Abril/2014 não inclui a reconstrução dos dois blocos destruídos.

Com tanta “emoção” rolando Brasil afora, não precisamos mais nem ver novela…

24653_629213400427059_590762560_nFonte: Estadão