Por: Ricardo Daniel Treis | 6 anos atrás

“Nem sempre o vereador que teve mais votos vai ser eleito”.

Batia um papo com o Baco ontem sobre o quão injusta é essa situação gerada pelas entradas via legenda. O cara pode ter sido o mais votado, porém depende como está o partido ou coligação para entrar. Resultado: a vontade do povo deixou de ser feita, e vários votos foram jogados “fora”.

Caso complicado, lembrei então de uma postagem do Peron, que fez a continha de como fica para que um candidato consiga ser eleito aqui em Jaraguá. Confere o texto:

(…)Parta do princípio de que seu partido ou coligação precisará fazer aproximadamente 8.200 votos para eleger 01 vereador! (…) Para embasar o que estou falando, vamos lembrar do pleito eleitoral de 2008. A última cadeira da Câmara de Vereadores foi ocupada pelo vereador Amarildo Sarti (PV) com 1.345 votos. No entanto, Jair Luis Pedri ( PSB) 2.335 votos – Hideraldo Colle (PMDB) 1.950 votos e Maristela Menel Roza (PTdoB) com 1.853, não entraram.

A doer.