Por: | 7 anos atrás

Com um pouco de atraso, a notícia mais comentada na cidade no fim de semana.

Duas adolescentes de Jaraguá do Sul foram ouvidas na tarde de ontem, na Delegacia da Mulher, e confessaram desvio de R$175 mil de um banco onde foram estagiárias. Outros dois adolescentes ainda devem ser ouvidos pela polícia.

“São meninas bonitas, escoladas, de classe média”, disse o delegado delegado Marco Aurélio Marcucci. Segundo ele, a mais velha, de 17 anos, montava um conteúdo interno do banco. Preenchia, falsificava a assinatura de dois gerentes, ia no penhor e sacava o dinheiro.

A menina foi demitida do estágio por outro motivo. A segunda menina, de 16 anos, amiga da primeira, começou a estagiar no mesmo banco e deu continuidade ao golpe. Durante um ano e três meses elas desviaram dinheiro, até o banco desconfiar e abrir uma auditoria.

A adolescente mais nova confessou a infração. “Ela disse que a mais velha era a criadora do esquema”, conta Marcucci. A menina mais velha, que confessou o crime, disse em depoimento que o dinheiro era gasto com roupas caras, eletrônicos, óculos de grife e baladas.

O delegado recebeu ontem o namorado da adolescente mais velha. Ele foi devolver um Ford Fiesta comprado pela namorada, à vista, mas que estava no nome dele por ser maior de idade. “O garoto parecia não saber do golpe. Pois ela disse a ele que tinha ganhado uma herança da tia”.

Outros dois adolescentes deverão ser ouvidos nesta segunda-feira, suspeitos de participarem do golpe. O delegado explicou que vai encaminhar o caso em 15 dias para o Ministério Público.

Via AN.