Por: Ricardo Daniel Treis | 20/07/2011

O mecânico Marcelo Moraes da Silva, 36 anos, descartou a hipótese de problemas mecânicos no helicóptero que caiu na última sexta-feira, em Jaraguá do Sul. Ele disse que realizou uma inspeção geral um dia antes de a aeronave decolar. Silva ficou chocado com a notícia do acidente, na qual o piloto Álvaro Pisetta Júnior, 39, o empresário e dono da aeronave, José Gilberto Menel, 62, e o pedreiro Erico Melchioreto, 48.

O mecânico avalia que se o piloto tivesse percebido alguma falha no helicóptero, ele iria procurar uma área descampada para tentar um pouso de emergência. Segundo Silva, o helicóptero estava com todos os equipamentos de navegação em funcionamento. “É um modelo de aeronave que opera nas regras de voo visual, conforme determina a regulamentação de tráfego aéreo”, afirma.


Via AN