Por: João Marcos | 7 anos atrás

Poisé, nem só de Monalisa viveu Da Vinci. O célebre pintor italiano que completaria 560 anos em 2012, tinha muitos outros projetos em sua imensurável sabedoria, dentre eles aventuras hora ou outra como engenheiro. Mesmo abominando a guerra – ele mesmo chamava de “loucura bestial” – acabou produzindo diversos artefatos para a mesma, incluindo bestas gigantes e metralhadoras com vários tambores.

Entre as invenções bélicas, Leonardo Da Vinci criou várias engenhocas estratégicas de ataque e de defesa. Contratado por senhores da guerra, como o duque Ludovico Sforza, de Milão, e o cardeal César Bórgia, de Florença, o inventor renascentista também fez desenhos revolucionários de diversas armas militares, como protótipos de helicópteros, submarinos e tanques de guerra. Sempre à frente de seu tempo, muitos de seus projetos, pensados nos séculos 15 e 16, só saíram do papel quase 400 anos depois, com o avanço da tecnologia.