Por: Ariston Sal Junior | 28/05/2014
Reprodução/Internet

Reprodução/Internet

Um dos textos que voltou a circular na internet nos últimos dias é o suposto relato de Patrícia, uma menina de 17 anos de Florianópolis que se envolveu com drogas. De acordo com a publicação que está sendo disseminado no Facebook, Patrícia foi paquita do programa da Xuxa, teve que se prostituir e contraiu o vírus HIV. A carta teria sido escrita antes da morte da suposta ex-paquita em um hospital de Florianópolis.

Segundo a carta, Patrícia teria começado a beber e se envolvido com as drogas na Oktoberfest de 1994, em Blumenau. A carta segue contando a trajetória da menina e termina com a morte dela e um alerta aos jovens.

Um dos furos do relato é que ela circula nas redes sociais com uma foto de Luciana Vendramini, que posou para uma revista masculina como paquita da Xuxa em 1986.

destaque-212845-luciana-vendramini

Na página do Facebook de Luciana Vendramini, a atriz e modelo recebeu várias mensagens sobre a farsa e a assessoria dela desmentiu a história:

” Não acredite em tudo que lê! Temos recebido ultimamente, alguns comentários sobre a “lenda urbana” de uma paquita da Xuxa que faleceu de aids. No início do ano isso aconteceu e novamente postaram essa falsa informação. Gostaríamos de esclarecer que atualmente Luciana está envolvida em uma série que retrata a vida de musas do cinema brasileiro, transmitido pelo canal TCM e que nada tem a ver com a falsa história divulgada. “

A outra imagem que mostra o depois da paquita, já com aids, é de uma foto usada tradicionalmente em campanhas antidrogas no mundo.

Taking the edge off

 

Via AN