Por: Ricardo Daniel Treis | 4 anos atrás
© Diego Carvalho (Aguante)

© Diego Carvalho (Aguante)

Há males que vem para o bem e os acontecimentos desta semana pelos lados do Estádio João Marcatto acabaram tendo um reflexo positivo. Em Chapecó, quem mandou na Arena Condá foi o Moleque Travesso, para a infelicidade do nosso representante no Campeonato Brasileiro da Série A, que tem o tricolor jaraguaense como a sua ‘Asa Negra’.

De quebra, os comandados de Milton do Ó quebraram um tabu que durava desde 17 de fevereiro de 2013, data da última vitória fora de casa do tricolor no Campeonato Catarinense. O gol solitário, que valeu a vitória juventina, foi marcado pelo atacante Jabá, aos 24’ da primeira etapa. Logo ele, pivô da maior polêmica da semana, deu o troco às criticas na bola e se isolou na artilharia da competição.

“O pessoal tenta acabar comigo, mas minha imagem é isso aí. Fazer gols e ajudar o Juventus”, desabafou o atacante ao microfone da Rádio Jaraguá AM. “Jogamos bem, bem posicionados e consequentemente saímos vitorioso. O resultado foi importante, pois dá uma moral muito grande. Agora é nos concentrarmos para o próximo jogo”, afirmou.

“Conseguimos um gol na primeira parte, o que foi importante. No segundo tempo, tivemos a oportunidade de ampliar. A equipe se portou bem, com aplicação tática e física”, analisou Milton do Ó, que levou o Juventus para campo com Maurício; Sebá, Lucas Staudt, Sandro Muller e Wellington; João Antônio, Neto, Esquerda, Marcelo Moscatelli; Jabá e Dhiego André. A Chapecoense, de Gilmar Dal Pozzo, alinhou com Danilo; Fabiano, Rafael Lima, Alemão e Fabinho Gaúcho; Wanderson, Diones, Régis e Tiago Luís; Dieguinho e Neílson.

Ao final do jogo os atletas do Juventus se abraçaram e comemoraram o triunfo fora de casa como um título. “Iniciou-se uma nova fase e a nossa responsabilidade é não cair. Os jogadores sabem que agora os nossos erros têm uma consequência mais grave”, conclui Milton do Ó, que ganhou o desfalque de Lucas Staudt para o próximo compromisso, em virtude do terceiro cartão amarelo.

Com o resultado, o Juventus chega aos quatro pontos e ultrapassa a Chapecoense na classificação do hexagonal. Na próxima rodada, a terceira da Taça Santa Catarina, o Juventus terá uma nova partida fora de casa, desta vez diante do Avaí, no Estádio da Ressacada, quarta-feira (12), às 20h30. Como preparação, a equipe faz um único treino na manhã de terça-feira, já que nesta segunda o grupo terá folga, para se recuperar da longa viagem ao Oeste catarinense.

Via Avante Esportes, continue lendo