Por: Misael Freitas | 6 meses atrás

O primeiro beijo que a jornalista Gabrielle Figueiredo e o publicitário João Marcos trocaram poderia ter sido o último.

Ele, estava com uma viagem marcada para Dublin, na Irlanda, e ela, recém-formada, tinha planos de ficar por aqui para se dedicar ao trabalho.

Contudo, um sentimento mútuo falou mais alto e nem a distância conseguiu apagar a paixão inesperada que nasceu entre os dois.

Dublin

Gabrielle e João superaram barreiras em nome do amor

Gabrielle e João, que até então eram apenas colegas de trabalho, davam os primeiros passos em direção a um relacionamento que superou a distância e o tempo.

Hoje, eles vivem e trabalham juntos na Irlanda, onde aproveitam todos os momentos para suprir o período que ficaram separados pelo oceano.

Quando tudo começou

A jornalista e o publicitário trabalharam juntos em Jaraguá do Sul (aqui no Por Acaso ❤️️) e um namoro parecia impossível já que ele estava com o voo marcado para o começo de 2016.

“Teoricamente não era pra ser nada de mais”, conta João. “Só que a gente não tem muito controle dessas coisas e começamos a conversar todos os dias como forma de encurtar a distância”, completa.

Para Gabrielle, esse período foi um pouco mais complicado. “Eu ainda estava seguindo a mesma rotina”, explica. “Mesmo assim a gente mantinha um contato direto com a única diferença de que não era pessoalmente”, comenta.

A parceria é o grande diferencial do casal

“Foi complicado principalmente porque era o começo da relação”, conta. “Toda aquela situação de estar perto e curtir as coisas não aconteceu com a gente”, emenda.

Um desejo antigo que Gabrielle tinha de viajar pelo mundo ganhou força conforme a paixão entre os dois crescia. “Depois de um tempo decidi ir pra Dublin visitar o João”, lembra.

Ela fez o passaporte, comprou as passagens e arrumou as malas para passar 15 dias na Europa. O embarque para Dublin aconteceu em junho de 2016. “Era a minha primeira vez num avião, primeira vez saindo do país”, conta.

chegada reecontro em dublin

Registro da chegada para o reencontro em Dublin

O reencontro do casal aconteceu no Aeroporto Internacional de Dublin. “Esse é um momento que nunca vou esquecer”, garante. A viagem serviu para que eles matassem a saudade e realizassem sonhos.

“Sempre sonhei em ver a Torre Eiffel de perto e o nosso roteiro contou com um passeio de três dias em Paris”, comenta.

A volta para casa

Quando Gabrielle ainda estava em Dublin, o casal conversou sobre a possibilidade dela não voltar para o Brasil. “A vontade era grande, mas ficar lá não cabia nos meus planos naquele momento”, lembra.

“Só que eu já voltei para o Brasil decidida a viajar de novo, mas dessa vez para fazer um intercâmbio”, garante. Além de estar do lado da pessoa que amava, Gabrielle também se surpreendeu com o que conheceu da Irlanda.

“No tempo que fiquei em Dublin eu curti muito a cidade e me surpreendi com o poder de compra, seja no mercado ou até em lojas”, afirma. “Tudo isso era uma experiência que eu queria muito viver”, destaca.

Paris

O grande beijo na Torre Eiffel

De novo no Brasil, a jornalista focou todos os seus esforços para organizar a nova viagem. “Foram quatro meses me organizando pra mudar de vida”, conta.

“Nesse tempo juntei dinheiro, deixei meu emprego e organizei minhas coisas”, recorda Gabrielle. Em dezembro de 2016, ela embarcou novamente para Dublin.

Dessa vez, Gabrielle passaria mais tempo e começaria a dividir uma vida ao lado de João. “Estava com bastante expectativa e feliz, mas ao mesmo tempo bastante insegura e com medo”, relata.

Dublin (2)

Gabrielle se surpreendeu com o que viveu em Dublin e resolveu voltar

“Afinal, eu estava mudando totalmente a minha vida e eu e o João íamos morar juntos, o que era um passo muito grande pra nossa relação”, comenta. “Já íamos pular o namoro pra um quase casamento”, se diverte.

A vida na Irlanda

Hoje, os jaraguaenses moram e trabalham juntos em Dublin, na Irlanda. Entre estudos e trabalho, os dois aproveitam os momentos para suprir o período que ficaram separados.

“Eu tive a experiência de vir sozinho e posso dizer, com certeza, que ter uma pessoa parceira do seu lado faz com que tudo seja muito melhor”, garante João.

natal em dublin

Foto do primeiro Natal dos dois juntos na Irlanda

“Até então, as únicas mulheres com quem eu dividi uma rotina como essa haviam sido as da minha família, mas como a gente se dá muito bem, não temos problemas”, explica o publicitário.

“Nós aprendemos muita coisa juntos, desde receitas do Tastemade até como é de fato essa rotina de quase casados”, brinca.

dublin show green day

Recentemente, os dois assistiram ao show do Green Day em Dublin

Para Gabrielle, a experiência também tem sido gratificante. “Ele é meu parceiro pra tudo por aqui, tanto pras horas boas quanto ruins”, explica.

“É muito bom poder viver tudo que a gente planejou e desejava quando estava longe, ainda mais com uma nossa sintonia como a nossa”, completa.

Estudo e trabalho

Até pouco tempo, a rotina de João incluía as aulas de inglês que ele fazia pela manhã na SEDA College e o trabalho vespertino como consultor de intercâmbio e gerente de conteúdo na mesma escola.

“Eu terminei meus estudos e estou focado no meu trabalho”, conta. “Dou suporte aos brasileiros que vem estudar aqui na nossa escola”, explica.

“Eu também trabalho em conjunto junto a equipe de marketing colaborando com as campanhas que fazemos para o mercado brasileiro”, emenda o publicitário.

Viagem Amsterdam

Uma viagem para Amsterdam também entrou nos planos do casal

A rotina de Gabrielle também se divide em estudos e trabalho. “Tenho aula de manhã e, na parte da tarde, trabalho no marketing brasileiro da SEDA College”, conta.

Parte do trabalho dela está relacionado com a produção de vídeos, algo que Gabrielle sempre teve vontade de fazer no Brasil

Por isso, ela criou um canal no Youtube, onde compartilha momentos  e experiências do intercâmbio. Dá uma espiada em alguns vídeos:

Clique aqui para assinar o canal da Gabrielle no Youtube.

Volta ao Brasil e planos para o futuro

Como a saudade da família está grande, o casal deve visitar o Brasil no fim deste ano, mas a viagem deve ser rápida. A intenção dos dois é rever os parentes e amigos e voltar para a Irlanda em seguida.

“A princípio será só pra visitar mesmo”, garante Gabrielle. Os planos dos dois para o futuro incluem finalizar os estudos e continuar o trabalho que eles fazem hoje na SEDA College.

gravando video

O João também participa das gravações por trás das câmeras

E para quem enfrenta a mesma situação de namorar a distância, eles tem alguns conselhos. “Eu sou romântica, então eu diria pra aguentar, porque vale a pena”, sugere Gabrielle.

“Mas claro que depende de diversas situações, pois a gente tinha previsões de se ver e tudo mais, então facilitava um pouco”, completa. “É uma situação complicada, mas eu sempre acho que vale a pena tentar”, garante.

unnamed

O casal de jaraguaenses curtindo o Saint Patrick’s Day no melhor estilo

“A gente sente quando a pessoa vale a pena e o que se deve fazer nesse caso é não dar importância justamente para o que as outras pessoas dizem”, aconselha João.

“É uma opção pessoal que vai te privar de muita coisa, mas se a pessoa vale a pena, vai recompensar cada ligação no Skype, cada mensagem no WhatsApp e cada noite de distância”, finaliza.

———

Ficou com curiosidade de conhecer mais sobre as experiências do João e da Gabrielle na Irlanda? Então, siga os perfis deles no Instagram clicando aqui e aqui.

E se você quiser mais dicas e informações sobre como realizar um intercâmbio para Dublin, entre em contado com o João pelo e-mail joaomarcos@seda.ie.

———

Conheça agora as histórias de outros jaraguaenses que andam pelo mundo:

O Breno Virícimo montou uma banda na Holanda e está em turnê

O Allan Püttjer trabalhou na Netflix e agora estuda na Alemanha

A Amanda Freitas largou tudo para trabalhar em um cruzeiro