Por: Ricardo Daniel Treis | 4 anos atrás
jgs_chan

Jaraguá do Sul – foto por Chan

Em termos de sustentabilidade e cultura, Jaraguá do Sul é modelo e exemplo para outros municípios e se destaca no Estado. Isso é o que aponta o Índice de Desenvolvimento Municipal Sustentável (IDMS) deste ano, feito com base nas ações de 2013. A pesquisa é realizada pela Federação Catarinense de Municípios (Fecam) desde 2012.

ranking

Na classificação geral, a cidade aparece em 9ª posição, com um índice de 0,789, ficando em primeiro na região Norte e registrando um aumento de 2,73% em relação ao IDMS de 2012 (0,768). Ocupa também o primeiro lugar no índice de cultura, atingindo o valor máximo de 1,000.

Hoje, durante o XII Congresso Catarinense de Municípios, em Florianópolis, o prefeito Dieter Janssen recebe uma homenagem pelos índices alcançados. “É uma honra receber este prêmio em nome do município”, diz. “Isso mostra que estamos no caminho certo, reforçando projetos sustentáveis que visam melhorar cada vez mais essa avaliação”, reforça. Segundo Janssen os investimentos continuarão e fazem parte das metas para este ano. Um objetivo é atingir os 82% do tratamento de esgoto.

O objetivo da pesquisa é avaliar a administração como um todo e fazer comparações com os demais 295 municípios catarinenses. A Fecam tem o objetivo de acompanhar e apoiar as cidades no planejamento e encaminhá-las da melhor maneira para que possam evoluir no índice geral e em cada dimensão separadamente, como educação, cultura, economia, meio ambiente e outras.

De acordo com o coordenador de desenvolvimento Regional da Fecam, Emerson Souto, a premiação e os resultados servem de estímulo que acabam visando um aumento destes dados nos próximos anos. “Temos que trabalhar com cada município separadamente e ajudar a traçar metas com estratégias de desenvolvimento”, destaca. “No caso da cultura, em Jaraguá do Sul o resultado foi satisfatório devido aos bons investimentos na preservação de patrimônios”, cita.

Via OCP Online, continue lendo.