Por: Ricardo Daniel Treis | 03/02/2011

O futuro secretário estadual da Defesa Civil, Geraldo Althoff, reuniu-se na manhã de ontem com a prefeita Cecília Konell para saber detalhes da situação de Jaraguá do Sul depois das chuvas. Ele recebeu um relatório que descreve os investimentos para recuperar os estragos, retirar famílias de áreas de risco e desenvolver planos de prevenção que estão em gavetas. Segundo a Prefeitura, são necessários R$ 106,2 milhões, mas esse número pode aumentar porque o levantamento ainda não está completo.

Na semana passada, Cecília entregou ao governador Raimundo Colombo um outro documento que indicava um investimento de R$ 27,318 milhões, principalmente para a manutenção de ruas e pontes e obras de contenção de barreiras. “Para amenizar os efeitos das chuvas na área da infraestrutura, a nossa prioridade chega perto de R$ 28 milhões. Ainda não terminados todos os levantamentos dos estragos”, ressalta o secretário-executivo da Secretaria de Defesa Civil de Jaraguá do Sul, Antônio Carlos da Luz.

A Prefeitura espera que o governo do Estado interceda junto ao Ministério da Integração Nacional para que sejam liberados os recursos.

(…)Segundo o secretário executivo da Defesa Civil em Jaraguá do Sul, Antônio da Luz, o novo relatório inclui o dinheiro necessário para recuperar os prejuízos das chuvas de dia 21 de janeiro (R$ 28 milhões), além das perdas causadas pelo temporal do fim semana nos bairros Vila Nova, Vila Lalau e da destruição de pontilhão na comunidade de Jaraguazinho.

No documento, a Prefeitura incluiu investimentos na construção de moradias para retirar famílias de áreas de áreas de risco, projetos para revitalização de bairros, com destaque para obras de prevenção a alagamentos e desmoronamentos em bairros como Chico de Paula, Nereu Ramos, Santo Antônio e Estrada Nova.

Leia a matéria completa.

Oi, então são R$28 milhões pra recuperação e R$78 milhões + para retirada de famílias, construção de moradias, outras recuperações de prejuízos e projetos de revitalização e prevenção.
Bom pro povo.