Por: João Marcos | 6 anos atrás

Criada pelo estudante Ricck Lopes de apenas 19 anos, a hilária página do Facebook denominada Gina Indelicada, ganhou fama e notoriedade que transpuseram as barreiras da Internet.  O cara foi parar na Forbes, deu entrevista na televisão, escapou de tomar processo dos donos dos direitos de imagem da Gina e até levantou estudos sobre seu case, considerando se ele seria bom ou não pra marca (cá entre nós quem conhecia tão bem a Gina antes de todo esse auê hein?!)

Ta ok, até ai tudo bem. Maaas na noite desta quarta-feira um perfil no Facebook de nome parecido (“Gina, Kibadora Indelicada”) se dedicou a mostrar que a “Gina Indelicada” copiava piadas (algumas antigas) de usuários do Twitter.

Para se defender, adivinha em quem foi colocada a culpa?

CULPA DO ESTAGIÁRIO, figura mais injustiçada do mundo. Como o  próprio nome sugere, a “Gina Indelicada”, que faz alusão e usa o logotipo da marca de palitos de mesmo nome, sempre tinha respostas engraçadas e atravessadas. Por exemplo: “Gina, você não sente vontade de ter alguém que possa chamar de ‘mor’?”. Ela respondeu : “Com certeza, adoraria ter alguém para chamar de mor….domo.”  Esta piada, inclusive, é apontada como uma cópia de uma postada no Twitter.

Bom não sei quem ta certo, quem ta errado, se o Ricck estaria se aproveitando ou não. Sei dizer que o cara virou mais uma  “Celebridade da Internet”, deve estar ganhando dinheiro pra caramba e ainda tirando uma onda da galera. As respostas da Gina são sensacionais – sejam de autoria dela ou não. E olha só, eu não ia dizer nada mas quem dedurou tudo pra mim foi a Irmã Zuleide, que deve ter ficado com medo de perder o posto de musa da web e está denunciando o esquema através desse post no UOL.

Se você como eu ficou com preguiça de sair pelo Facebook procurando os tais “plágios”, dá um play ai no vídeo:

[youtube_sc url=”http://youtu.be/W_FHL33h8JA” width=”640″ autohide=”1″]