Por: Gabriela Bubniak | 16/08/2017

Se tem coisa que deixa os jaraguaenses malucos é descobrir lugares inusitados aqui na cidade. Mas tem um lugar específico que todo mundo sonha em saber como é, é o famoso túnel da Igreja Matriz, ou do Colégio Marista. Aquela passagem subterrânea que até virou lenda urbana de Jaraguá.

Mas e se a gente disser pra vocês que conseguimos um vídeo de alguém que entrou lá? Quem fez o registro foi o fotógrafo Eduardo Montecino, do OCP. Dá um look:

Demais, né? Ali no vídeo o Edu fez uma brincadeirinha macabra, pra dar um “medinho” na galera – quer dizer, pelo menos a gente acha que é brincadeira. (Era brincadeira, sim 😛 )

Dá pra ver ali que tem bastante coisa antiga e alguns objetos guardados, pois o local serve como uma espécie de depósito da escola. E  um dos primeiros sinos do colégio também está lá.

É essa aqui a entrada do túnel! (Foto: Arquivo/Por Acaso)

O famoso túnel que supostamente ligaria o Marista ao Colégio Bom Jesus (antigo Divina Providência), segundo a atual direção, na verdade leva até a Igreja Matriz São Sebastião.

No ano passado, a nosso pedido, a jornalista Isabel Debatin entrevistou o padre Diomar Romaniv, pároco da igreja, que falou sobre o assunto:

“O famoso túnel que liga as escolas, que segundo boatos eram utilizados pelos padres e freiras, eu desconheço. Inclusive, no momento em que estávamos reformando uma sala do Salão Cristo Rei, encontramos uma ponte, e nos questionaram se aquela ponte fazia parte do tal túnel. Mas não, essa ponte ligava a casa paroquial à secretaria, quando a atual casa paroquial ainda não existia. Além disso, não existe nenhum registro que confirme a veracidade do fato, em projetos ou nas cartas que os padres escreviam naquela época. Essa é uma lenda que também existe em São Bento do Sul, cidade em que nasci.”

CURIOSIDADE: se a passagem vai até a Igreja Matriz, segundo o Google Maps, ela deve medir aproximadamente 70 metros de comprimento.

O objetivo desse túnel? A gente não tem como afirmar, mas os antigos diziam que a passagem era pra ser um abrigo durante a Segunda Guerra, um refúgio para os alunos.

A atual direção não soube dizer a real função do túnel naquela época, mas tem a intenção de reformar o espaço e possivelmente, construir um museu do colégio no local. Legal, né?

Mas o que o pessoal do OCP estava fazendo lá? Bom, aproveitando a data especial de comemoração dos 200 anos do Instituto Marista, a direção resolveu abrir as portas do antigo túnel. A área fica no subsolo do colégio, logo após a escada que dá acesso ao refeitório.

Leia também:

Foto de capa: Eduardo Montecino/OCP Online