Por: Ariston Sal Junior | 4 anos atrás

PBBY-poster-final-761x1024

Para cada escritor um dia da semana e a tarefa de criar um conto. Em comum, o ambiente em que a história se desenrola. Personagens, situações, e os demais elementos ficaram a cargo da criatividade de cada um. Este ano, a Feira do Livro virou história pelas mãos de dez autores locais.

Mais do que trazer o universo da literatura para Jaraguá do Sul, a organização do evento se propôs a movimentar a cena. Os contos produzidos por Adriana Niétzkar, Roberto Lanznaster, Jeison Giovani Heller, Thiago Kunitz Daniel, Suzi Daiane, Nelson Curica, Pablo Varela, Fred Paiva, João Chiodini e Vanucci Bernard Deucher foram compactados na série “EmConto na Feira”, pela Design Editora.

O público poderá conferir a perspectiva dos autores aos poucos. Eles serão lançados individualmente ao longo da feira. Segundo o editor e coordenador geral do evento, Carlos Henrique Schroeder, serão dez livretos em tiragem limitada, e ainda haverá bate-papo sobre as obras no Espaço dos Autores do Galpão da Leitura. O encontro do público com os escritores será quase diário, só o dia 12 fica de fora.

Para Roberto Lanznaster, o projeto de contos foi um estímulo. A união de várias vozes da literatura local em torno de um assunto em comum, diz ele, promete trazer um recorte interessante sobre o cenário cultural. “É como uma banda de jazz, várias linhas ao mesmo tempo simulando suas variações”, define.

Dentro da proposta, o autor Thiago Daniel criou uma narrativa sobre um rapaz com a mania de folhear livros. Uma visita à feira para estimular sua fixação pelas páginas, um dos títulos acaba ligando ele a uma garota. “Eu fiquei com o domingo. Foi um processo diferente, tive que pensar em cima de uma ideia. É bacana colocar o pessoal para escrever porque a gente acaba deixando de lado pela falta de tempo, mas um convite assim não deixa relaxar”, comenta Daniel.

Já Suzi Daiane, frequentado assídua do evento, produziu seu texto pensando em uma segunda-feira. Para sair do óbvio, traz o dia de uma personagem que ama livros, mas acaba decidindo não ir até feira e acaba sofrendo graves consequências que a levam ao arrependimento. “A cidade respira literatura durante esses dias e poderá também conhecer os escritores daqui, foi muito bacana reunir todo mundo nesse projeto”, diz.

Via OCP Online